1cd: Rag’n’ Bone Man – Human

Rory Graham, cantor e compositor inglês, nascido em Uckfield, East Sussex, é o cara por trás do Rag’n’ Bone Man. Depois de dois bons lançamentos: Wolves (2014) e Disfigured (2015), lançou o primeiro album HUMAN, em fevereiro deste ano. O álbum é perfeito: mistura toques e arranjos de soul, gospel (?), blues, hip-hop (?) eContinue a ler “1cd: Rag’n’ Bone Man – Human”

baitaSOM: The White Buffalo – I Am the Light

Uma das grandes músicas da série Sons of Anarchy é “I am the Light” da ótima banda The White Buffalo. Aliás, em sete temporadas da série, The White Buffalo emplacou várias músicas, como: “Matador”, “Damned”, “Wish It Was True”, “House of The Rising Sun”, “The Whistler”, “Set My Body Free”, “Sweet Hereafter”, “Oh Darling, whatContinue a ler “baitaSOM: The White Buffalo – I Am the Light”

1clássico: Joy Division – Love Will Tear Us Apart

A sonoridade melancólica, acompanhada de temas depressivos e do cotidiano elevou o  Joy Division a outro patamar do rock, que foi sacramentado com o suicídio de seu vocalista Ian Curtis. A banda inglesa, foi formada em 1976 em Manchester, ainda contava com Peter Hook e Bernard Sumner  e Stephein Morris. Após a morte de Ian, aContinue a ler “1clássico: Joy Division – Love Will Tear Us Apart”

1clássico: Johnny Cash – “Father and Son”

“Father and Son” é uma música escrita e interpretada pelo cantor/compositor inglês Cat Stevens, no álbum Tea for the Tillerman que foi lançado em 1970. Mas uma das melhores interpretações foi na voz de Johnny Cash, em 1974. A música desenha uma conversa entre um pai que não compreende o desejo de um filho de seContinue a ler “1clássico: Johnny Cash – “Father and Son””