Dia da Cachaça

Hoje é o dia da marvada, da cachaça, da pinga, … ou o nome pelo qual você conhece essa iguaria. Mas uma coisa é certa: independente do momento, pura ou uma caipirinha (caipirinha raiz), é uma delícia. E para demostrar isso, olha só a inspiração que o rock teve com ela. Três petardos, que ao meu ver, se conectam com o tempo e elevam a idolatria da nossa bebida oficial. E nesta levada as três músicas se rock que vão fazer você sentir vontade de provar (se ainda não provou) a deliciosa cachaça ou pinga e comemorar.

No meu entendimento a principal delas é “Um Copo de Pinga” da banda Titãs, lançada em 11/1995, no álbum Domingo. A banda foi muito feliz em detalhar os dias da semana e como é realizado o processo da fabricação da cachaça num engenho, com uma batida cadenciada violão e pandeiro com letra inteligente. Essa música parece que nasceu para que as demais se encaixassem numa trilogia que demonstra fabricação, divagação e resultado da “marvada” nas nossas ações (as outras duas não são dos Titãs).

A segunda melhor música, nasceu um ano depois com a banda Pato Fu e “Pinga”, no álbum Tem Mas Acabou (1996). A música é divertida e parece seguir a evolução da “marvada”, observe o trecho: “Eu tomo pinga / Eu não sei o que é melhor pra mim / Eu tomo pinga / Mesmo já sabendo o que vai dar no fim / Eu tomo pinga / Será que eu tô gostando de viver assim? / Eu tomo pinga / Será que isso é bom ou ruim?”. Parece a evolução da música dos Titãs.

E que vai culminar na música “Cachaça” da banda Vanguart , lançada apenas em 2007 no primeiro álbum da banda de Cuiabá (MT). E que chega depois de um monte de singles, desde 2002. O que chama atenção na letra de “Cachaça” é que sai da mesmice dos versos simples: “E só me vem quando não há certeza / Me desconjuros pra apagar a beleza / Da incertidumbre das mesmas mãos que as suas / E me atinge da melhor maneira / Como cânhamo ou cachaça certeira / Pra antecipar a quarta-feira”.

Tudo muito simples, mas necessário para lembrar que a cachaça ou pinga é uma bebida que nos leva aos piores e melhores sentimentos. VIVA A CACHAÇA.

Sobre Severo

GREMISTA FANÁTICO... com preferências simples e/ou complicadas: comidas, músicas, filmes, viagens, escrever sobre curiosidades do dia-a-dia...
Esta entrada foi publicada em Bandas, Música. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s